Urologia Crato, Ceará

Informações sobre Urologia em Crato. Encontre aqui endereços e telefones de médicos especialistas, clínicas e hospitais em Crato, além de artigos sobre Urologia.

Francisco Marcelo Pierre M de Brito
Cirurgia Geral Ginecologia e Obstetrícia Urologia
Crato, Ceará
Especialidade
Urologia

Dados Divulgados por
Marcos Antonio de Oliveira Martins
523-2600
Av. Teodorico Teles 99
Crato, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Jose Flavio Pinheiro Vieira
523-2188
Rua Cel Antonio Luis 1028
Crato, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Luiz Luciano Neto
R Ilda Bilhar 84
Crato, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Joao Marni de Figueiredo
R Teofilis Siqueira 586 - 1º Andarsala 02
Crato, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Edgar Ferreira da Silva
Rua Padre Cicero 759
Juazeiro Do Norte, Ceará
Especialidade
Urologia

Dados Divulgados por
Jorge Andre Cartaxo Peixoto
521-1217
Rua Tristao Goncalves 568
Crato, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Jose Maria Maia Esmeraldo
(88) 3521-1243
Rua Tristao Goncalves 604
Crato, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Jose Eduardo Siebra
(88) 3523-2188
Cirurgia Geral Clínica Médica Ginecologia e Obstetrícia
Crato, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Jose Oliveira Cavalcante
521-2411
Ruaelson Alencar 319
Crato, Ceará
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Urologia

A Urologia nasceu como especialidade médica, clínica e cirúrgica, abrangendo o diagnóstico, orientação, tratamento e acompanhamento de um grande número e complexidade de enfermidades congênitas ou adquiridas, infecciosas, traumáticas, tumorais ou degenerativas do sistema urinário, em ambos os sexos, adulto ou infantil e do sistema genital masculino. que abrange a próstata, uretra, pênis, vesículas seminais, epidídimo e testículos, tratando inclusive de enfermidades da sexualidade masculina, tais como: impotência, ejaculação precoce, infertilidade, entre outras.Comumente relaciona-se a Urologia com “doenças ligadas ao homem”, porém, o sistema urinário, composto pelos rins, ureteres, uretra e bexiga é comum para ambos os sexos, apenas a uretra é mais longa no homem, desta forma, o urologista poderá tratar tanto homens quanto mulheres.No entanto, a Urologia deverá ser separada da Nefrologia, pois esta última é considerada clínica, e cuida apenas de alguns distúrbios relacionados com a função renal defeituosa ou ausente, como por exemplo: nefrites, nefroses e insuficiência renal.O médico urologistaA Urologia é um nobre campo de atuação da Medicina, o qual abrange, como pudemos observar um grande número de enfermidades relacionadas ao sistema urinário de ambos os sexos, em adultos e crianças, e mais especificamente em homens, no que se refere ao sistema genital masculino.O Urologista poderá atuar em consultórios e clínicas, particulares ou públicos, atendendo e orientando inclusive na área de fertilidade conjugal. Para isso a sua formação deverá ter como base a faculdade de Medicina, com duração de seis anos, que consiste em ciclo básico ( disciplinas como farmacologia, anatomia e fisiologia), ciclo profissional ( escolha da especialidade: pediatria, ginecologia, urologia, etc.) e internato ou estágio ( no mínimo um ano em hospital, período integral).Após este período há a fase de residência hospitalar, na área de Urologia, que dura aproximadamente dois anos, onde o recém-formado será assistido por uma equipe de especialistas e professores da área.Sempre faz-se necessário lembrar que o aprendizado e a atualização deverão ser constantes, além disso, algumas qualidades como: bom-senso, ética profissional, sensibilidade, entre outras farão deste profissional um diferencial no mercado de trabalho.Fontes- Sociedade Brasileira de Urologia- Artigo: Urologia Conceito, Dr. Gomes,Soares C.